- Publicidade -
8.8 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Festival “Erê Convida”: Um mergulho nas culturas infantis dos povos de terreiros

- Publicidade -
Festival "Erê Convida": Um mergulho nas culturas infantis dos povos de terreiros
Divulgação

Entre os dias 24 e 26 de maio, o Terreiro de Umbanda Nossa Senhora da Conceição promove a segunda edição do Festival “Erê Convida”, uma celebração da cultura, educação e respeito pelas infâncias dentro das tradições dos povos e comunidades de terreiro. Desse modo, com uma programação diversa e gratuita, o evento acontecerá na avenida Fosco Pardini, 3390, bairro São José, e está aberto a todos os interessados.

O festival, que carrega o tema “Culturas infantis dos povos de terreiros”, terá abertura às 19h, seguida pela exibição do documentário “Terreiros do Brincar”, produzido pelo Instituto Alana.

- Publicidade -

Atividades

Às 20h30, a mesa de diálogos “Culturas Infantis e Povos de Terreiros” contará com a participação de pai Thiago e mãe Fernanda, proporcionando uma reflexão sobre o assunto. “Este festival é uma porta aberta para que as crianças reconheçam e valorizem suas raízes culturais, em um ambiente de respeito e alegria. Além disso, nossa intenção é fortalecer também o olhar dos adultos para a importância das crianças dentro e fora dos terreiros”, destaca mãe Fernanda, que também é coorganizadora do evento.

Sábado, 25 de maio, as atividades começam cedo, às 9h, com brinquedos infláveis e brincadeiras tradicionais. Assim, ao longo do dia, serão oferecidas oficinas de Bonecas Abayomi,Artes Plásticas e uma vivência de Capoeira Angola, finalizando o dia com a exibição do filme “Ewé de Òsányìn: o segredo das folhas” às 17h.

- Publicidade -

O encerramento do festival domingo, 26 de maio, será igualmente especial, com uma oficina de percussão tradicional, espaço tranças afro para crianças, espetáculo teatral e duas mesas de diálogos, “No giro das crianças: terreiro e pertencimento”, com a participação do professor Sidnei Nogueira e da professora Ellen de Lima Souza e “Paternidade negra e os meninos negros”, com Daniel Pereira e Thais Sena, do Laroyê Grupo de Pesquisa. O evento será coroado com o lançamento dos livros “Coisas do povo de santo” e “A menina dos cabelos d’água” de professor Sidnei, seguido de um animado Samba de Roda do Terreiro de Umbanda Nossa Senhora da Conceição às 18h.

O Festival exibirá ainda um varal de obras da artista mirim Marina de Nanã, proporcionando uma visão artística única das suas vivências no Terreiro.

- Publicidade -

“Queremos convidar a todos para se juntarem a nós neste evento de celebração e valorização das culturas de Terreiros. Queremos fazer deste evento um espaço de aprendizado, respeito e alegria”, relata pai Thiago, zelador do Terreiro de Umbanda Nossa Senhora da Conceição.

O festival conta com o patrocínio do Estado de Minas Gerais, da Secretaria de Cultura e conta com a produção da Moringa Produção Cultural.

A entrada é gratuita, as atividades de mesas de diálogos e exibição dos filmes são abertas a todos e as oficinas têm como público crianças de até 12 anos. Dessa maneira, toda a programação acontece no Terreiro de Umbanda Nossa Senhora da Conceição.

Para mais informações, por favor, entre em contato com Thais Costa – Moringa Produção Cultural – 35 92000-0174.

Programação

Dia 24 de maio – sexta-feira

19h – Abertura do Festival Erê Convida

19h30 – Exibição do documentário “Terreiros do Brincar” – Instituto Alana

20h30 – Mesa de Diálogos “Culturas Infantis e Povos de Terreiros” com pai Thiago e mãe Fernanda

Dia 25 de maio – Sábado

9h às 11h – Brinquedos infláveis e brincadeiras tradicionais

13h – Oficina de Bonecas Abayomi – com Lúcia Vera

14h – Oficina de Artes Plásticas – com Bruna Fanuchi

15h – Vivência Capoeira Angola – com Prof. Danilo Abreu

17h – Exibição do filme “Ewé de Òsányìn: o segredo das folhas” – Produtora Pâmela

Peregrino e Ìtàn Cinema

Dia 26 de maio – Domingo

9h às 11h – Brinquedos infláveis e brincadeiras tradicionais

9h às 11h – Espaço Tranças Afro para crianças – com Manuh Felisbino

13h – Oficina de percussão tradicional – com Émerson de Oxalá

15h – Espetáculo Tereza de Benguela – com Leidy Nara e Augusta Clementino

(classificação 10+)

16h – Mesa de Diálogos “No giro das crianças: terreiro e pertencimento” – com Prof. Sidnei

Nogueira e Profª. Ellen de Lima Souza

17h30 – Mesa de Diálogos “Paternidade negra e os meninos negros” – com Daniel Pereira e

Thais Sena do Grupo de Pesquisa Laroyê

18h30 – Lançamento dos livros “Coisas do povo de santo” e “A menina dos cabelos d’água” – do professor Sidnei Nogueira

19h – Samba de Roda do Terreiro de Umbanda Nossa Senhora da Conceição

O Festival conta ainda com um varal de exposição das obras de Marina de Nanã

 

Outras notícias

 

Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!