- Publicidade -
16.8 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Abertura do Música nas Montanhas tem lotação máxima do teatro da Urca

- Publicidade -
Pianista Paolo Scafarella (divulgação)

Com lotação máxima do Teatro Municipal da Urca, a 25ª edição do Festival Música nas Montanhas (FMM) deu início à programação, no último domingo (7), demonstrando a relevância histórica do evento, que acontece até 13 de janeiro em Poços de Caldas. Um público de mais de 500 pessoas esteve no concerto de abertura, que contou, ainda, com a presença de autoridades, professores, alunos, organizadores e dos patrocinadores.

Em sua avaliação, o diretor artístico do FMM e maestro Jean Reis destacou o trabalho comprometido de toda a equipe, professores e o apoio da cidade de Poços de Caldas, que, unidos à música em sua imensa capacidade de transformar vidas, contribuem para que o evento esteja, este ano, comemorando o Jubileu de Prata.

- Publicidade -

De acordo com o prefeito Sérgio Azevedo, o compromisso com a descentralização é também outra característica que torna o Música nas Montanhas uma referência.

“Como nos diz Milton Nascimento, o artista tem de ir aonde o povo está e é isso que o Festival faz, levando música de qualidade não apenas aos teatros, mas a asilos, hospitais, igrejas, praças e à cidade inteira. O evento mostra que a música erudita é para todos”, disse.

- Publicidade -

Paolo Scafarella

Nesta segunda-feira (8), o 25° Festival Musica nas Montanhas apresenta o concerto Pianíssimo, recebendo a versatilidade do pianista italiano Paolo Scafarella. O espetáculo tem início às 20h30, no Teatro Municipal da Urca. A entrada é gratuita.

- Advertisement -

O programa evidencia a obra de Ludwig van Beethoven (1770 – 1827), em Sonata Op. 81a Nº 26​​, e de Wilhelm Stenhammar Mazurkas (1871 – 1927), em Sonata Nº4 em Sol menor.

Pianista com sensibilidade musical inata e sólida técnica, Paolo Scafarella nasceu em 1993 em Trani, uma encantadora cidade da Apúlia, na Itália. Formou-se no ‘N. Conservatório Piccinni de Bari, obtendo uma licenciatura de três anos em piano e uma licenciatura de dois anos em piano solo, com notas máximas e honras.

Apresentou-se nas principais cidades italianas: Milão, Roma, Bolonha, Florença, Bérgamo, Grosseto, Turim, Trento, Nápoles, Bari, Potenza, Perugia, Veneza e, no exterior, esteve presente em países como França, Espanha, Suécia, Alemanha e Suíça.

Atuou para fundações de renome internacional como Fundação La Scala de Milão, Associazione Bellini de Messina, Serate Musicali de Milão, Società dei Concerti de Milão e La Camerata Sulmonese, apresentando-se nos teatros mais importantes da Itália como La Scala em Milão, Teatro Savoia em Campobasso, Teatro Caniglia em Sulmona, Auditório PalaCultura em Messina, entre outros.

Programação

A programação do Festival segue com apresentações em diversos pontos da cidade. Nesta terça-feira (9), às 15h, o Asilo São Vicente de Paula recebe a série de concertos comunitários, apresentando um quarteto de cordas. Também terça-feira, às 20h30, o Teatro da Urca é palco de apresentação dos Metais, Madeiras & Cia, com Cláudia Nascimento, Ricardo Barbosa, Bruno Guirardi, Flávio Augusto, Pablo de Leon, Hugo Pilger, Suelen Sampaio e Bruno Lourensetto.

A programação completa do 25º Festival Música nas Montanhas pode ser acessada no site www.festivalmusicanasmontanhas.com.br




- Publicidade -
Veja também
- Publicidade -






Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!