- Publicidade -
12.1 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Campanha Leia Mulheres Negras indica a escritora e ativista social Teresa Cárdenas

- Publicidade -

“Um senhor e um negro jamais poderiam ser iguais. Cachorro velho sabia disso. Os negros nunca dariam chicotadas em uma criança que tivesse apenas apanhado um pedaço de pão. Ele nunca tinha visto Cumbá matar outro homem de pancada, nem Beira cortar a orelha de alguém”. A Campanha Leia Mulheres Negras indica, nesta semana, a escritora Teresa Cárdenas.

- Publicidade -

Teresa Cárdenas Ângulo, nascida em Matanzas em 1970, é uma escritora, roteirista, atriz, bailarina e ativista social cubana. Sua motivação para tornar-se escritora veio ainda na infância, quando começou a ler e ficou frustrada com a ausência de personagens negras nos livros infantis.

Suas obras são incontornáveis para todos aqueles interessados na produção literária de mulheres negras, especialmente as que focalizam o público infanto-juvenil. Nessa linha, escreveu Cartas para a minha mãe, lançado pela editora Pallas em 2020, com tradução de Eliana Aguiar, um romance epistolar narrado em primeira pessoa por uma menina que está em uma jornada de autodescoberta e empoderamento negro e que escreve cartas para a mãe já falecida.

- Publicidade -

Em Poços de Caldas, o Sistema de Bibliotecas Públicas está participando ativamente da campanha Leia Mulheres Negras, do Sistema Estadual de Bibliotecas de Minas Gerais. Da autora, a Biblioteca Municipal Centenário, no Espaço Cultural da Urca, possui a obra “Cachorro Velho”.

Cachorro Velho foi escravo no engenho de açúcar do patrão. Seu corpo está velho e cansado, sua mente se perde frequentemente em recordações. Às vezes ele até imagina a própria morte, ou pelo menos o que significa estar longe, muito longe. Então, a velha escrava Beira lhe propõe ajudar Aísa, uma menina de dez anos, a fugir. Cachorro Velho é um retrato duro e comovente da desumanidade da escravidão. É ganhador do Casa de las Américas, a mais alta honra literária de Cuba e um dos prêmios mais importantes do mundo de fala hispânica.

- Advertisement -

Toda semana, o @bibliotecaspublicasdepocos, perfil das Bibliotecas Públicas no Instagram, divulga uma autora negra, proporcionando aos leitores a oportunidade de valorizar as escritoras negras de todo o mundo, dentro da Campanha Leia Mulheres Negras, do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas.




- Publicidade -
Veja também
- Publicidade -






Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!