- Publicidade -
13 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

CAPELA DE SANTA CRUZ | Entrega simbólica da escadaria finaliza Jornada do Patrimônio Cultural em Poços

- Publicidade -
divulgação

Para finalizar a programação local da 9ª Jornada do Patrimônio Cultural de Minas Gerais foi realizada, no início da noite de segunda-feira (18), a entrega simbólica da escadaria que reconstrói o caminho entre a Travessa Manoel Dias Simões, no centro da cidade, até a Capela de Santa Cruz.

A escadaria substitui o funicular, na lateral do prédio da Câmara Municipal, e leva até a Capela de Santa Cruz, um dos bens tombados mais antigos do município. O local marca o início das manifestações religiosas e culturais da Festa de São Benedito de Poços de Caldas, sempre a 3 de maio, Dia de Santa Cruz, com a tradicional bênção dos mastros.

- Publicidade -

O tambor de São Benedito já ecoou pelo caminho, pelas mãos de Roberton Benedito, do Terno de Congo de Santa Bárbara e São Gerônimo. “São Benedito vai dar força pra gente subir essa escada”, disse Mãe Divina Pelegrino, bandeireira do mesmo Terno de Congo, que venceu os 183 degraus que levam do centro até a Capela de Santa Cruz. Pedindo licença para entrar na capelinha, já fez suas preces e orações.

O prefeito Sérgio Azevedo, o presidente da Câmara Douglas Eduardo de Souza, a presidente da Associação dos Ternos de Congos e Caiapós de Poços de Caldas Eduarda Carimbá e a representante do Grupo de Caiapós do São José, Maria Lúcia Ramos, também participaram da entrega simbólica.

- Publicidade -
divulgação

A escadaria
A obra da escadaria é resultado de medida compensatória estabelecida pela administração municipal, representada pela Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Urbano, por intermédio do Conselho Municipal de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Cultural e Turístico (Condephact) e a Pollo Engenharia e Incorporação, destacando a importância da política municipal de proteção do patrimônio cultural.

O secretário municipal de Planejamento e Desenvolvimento Urbano Antônio Carlos Alvisi destacou que a entrega finaliza a programação local da 9ª Jornada do Patrimônio Cultural de Minas Gerais, cujo tema proposto pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico (Iepha) para a edição de 2023 é “Caminhos Gerais: Itinerários e Rotas do Patrimônio Cultural Mineiro”.

- Advertisement -

Com o tema geral Caminhos de Poços, as ações locais foram desenvolvidas em seis itinerários: Caminhos Coloniais, Literários, Ecológicos, Imaginários, de Batalhas e Caminhos de Religiosidade. “Este espaço, a partir de agora, passa a ser mais um local público de lazer e de turismo, enriquecendo a nossa já belíssima paisagem urbana”, pontuou o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Urbano, Antônio Carlos Alvisi.

A coordenadora da Divisão de Patrimônio Construído e Tombamento, a arquiteta Lícia Perote de Almeida, explica que foi feita uma escadaria metálica apoiada nos trilhos do antigo funicular, vencendo a parte mais íngreme do morro e chegando até o ponto onde foi possível reconstruir a parte em concreto da escadaria. Nesse trecho, foram instalados bancos e iluminação, criando mais um espaço de convivência e contemplação da paisagem.

“Foi um momento bastante simbólico porque a entrega foi feita exatamente para quem vai utilizar o espaço, demonstrando toda a fé e a devoção do povo de Poços de Caldas a São Benedito e a força das manifestações da cultura tradicional na cidade, como a celebração do Dia de Santa Cruz, incorporada à programação da Festa de São Benedito”, ressaltou o secretário municipal de Cultura, Gustavo Dutra. A escadaria será oficialmente inaugurada dentro da programação de aniversário de Poços de Caldas, no mês de novembro.

História
Não há muitos registros sobre a escadaria antiga, mas a história destaca que, no ano de 1895, Fernandes José Lopes pediu autorização para construir uma igreja dedicada à Santa Cruz no morro onde, tradicionalmente, havia peregrinações religiosas. A edificação da Capela de Santa Cruz seguiu uma tradição mineira e marcou o início de uma das mais significativas festas religiosas do município: a Festa de Santa Cruz, celebrada a 3 de maio pela Igreja Católica, mais tarde integrada à tradicional Festa de São Benedito.

Originalmente a capela foi construída em 1895 e derrubada entre 1919 e 1920, sendo reconstruída na década de 30. Foi tombada municipalmente em 29 de novembro de 1985, por meio do Decreto 3389/85, tendo sido reinaugurada com abertura para o público em 1987.

divulgação



- Publicidade -
Veja também
- Publicidade -






Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!