- Publicidade -
19.5 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Lançamento de Folha Filatélica – Moedas Brasileiras acontece neste sábado  

- Publicidade -
divulgação

Acontece neste sábado (26), no espaço cultural da Agência Central dos Correios, em Poços de Caldas, a partir das 9h, o lançamento simbólico da folha filatélica: moedas brasileiras. Uma emissão postal especial que ilustra os padrões monetários que fazem parte da história do Brasil e da vida dos brasileiros. O evento tem parceria entre Correios e o Clube Filatélico e Numismático de Poços de Caldas.

A folha é composta de 9 selos, impressa na Casa da Moeda do Brasil, lançada em Brasília-DF e emitida em 12 de abril deste ano. A arte é de José Carlos Braga, privilegiando a numismática como tema.

- Publicidade -

Os selos trazem as faces dos seguintes padrões: Réis (de 1871), Cruzeiro (de 1942), Cruzeiro Novo (de 1967), Cruzeiro (de 1970), Cruzado (de 1986), Cruzado Novo (de 1989), Cruzeiro (de 1990), Cruzeiro Real (de 1993), e Real (de 1994). Fonte: Correios – Edital 02/2023.

O Clube Filatélico e Numismático de Poços de Caldas e os Correios farão o lançamento/obliteração simbólicos da folha filatélica.

- Publicidade -

Francisco Braido, o atual presidente do clube, conta que a peça filatélica consagra duas áreas de interesses dos associados, os selos e as moedas. Assinala também o trabalho do secretário do clube, Ednan Dias Neto, para que este lançamento ocorresse em nossa cidade. Menciona, ainda, que a folha com os selos poderão ser um impulso, um incentivo para que surja uma nova geração de colecionadores e o fortalecimento da existente.

Do Réis ao Real: Padrões Monetários Brasileiros

- Advertisement -

Circulando de mão em mão, as moedas representam o esforço do trabalho, as conquistas e os sonhos de um povo. Neste contexto, há dois significados para a palavra “moeda”. Ela pode significar peças geralmente redondas e metálicas, emitidas com autorização legal, que possuem inscrições, desenhos e um valor facial cunhado. De outro lado, empregamos a palavra moeda para significar o padrão monetário, ou seja, o nome do dinheiro usado em um país ou determinada época.

Desde a antiguidade, governos confrontam-se com a inflação. O aumento do custo de vida, a perda do poder aquisitivo dos salários e a desvalorização do dinheiro foram sempre questões a serem resolvidas. Diversas medidas podem ser adotadas para combater a inflação. Entre elas estão as reformas monetárias, que alteram os padrões utilizados, o “dinheiro”, com a finalidade de converter valores e criar uma transição entre o velho e o novo. As mudanças de padrão monetário possuem sobretudo uma função simbólica. O “novo” dinheiro procura sempre credibilidade, sem a qual nenhuma política econômica é capaz de legitimar-se e obter o apoio necessário junto à população para os resultados pretendidos.

Ao longo de sua história, o Brasil já teve 9 padrões monetários diferentes. Por 300 anos, durante a Colônia e o Império, houve diversas reformas, mas a moeda continuou com o mesmo nome: real, unidade monetária portuguesa criada em 1430, mais conhecido por sua forma plural réis. Após a criação do cruzeiro, em 1942, houve um recrudescimento do ciclo inflacionário e, num intervalo de 30 anos, houve sete mudanças no padrão monetário brasileiro: cruzeiro novo (1967), cruzeiro (1970), cruzado (1986), cruzado novo (1989), cruzeiro (1990), cruzeiro real (1993) e, finalmente, o real (1994).

Este conjunto de selos apresenta-se como uma amostra desses diferentes padrões monetários brasileiros, por meio da seleção de uma moeda metálica representativa de cada padrão.

No Brasil, desde 1500, já circularam mais de 700 tipos de moedas metálicas. Por isso, esta série é uma síntese dos padrões monetários brasileiros. As peças aqui retratadas mostram que, além do seu uso prático como meio de pagamento, moedas destacam-se pela variedade e beleza. Assim como os selos postais, elas expressam o patrimônio cultural do país e fazem parte dele, a evocar lembranças do passado e a desempenhar uma função educacional e integradora, sendo, ao mesmo tempo, produto da história e testemunha dela.




- Publicidade -
Veja também
- Publicidade -






Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!