- Publicidade -
15.4 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

“A menina que roubava livros” é a indicação de leitura da semana  

- Publicidade -

Um sucesso absoluto – e raro – de crítica e público. “A menina que roubava livros”, de Markus Zusak, é a indicação de leitura das bibliotecas públicas de Poços de Caldas desta semana. Neste clássico moderno, a trajetória de Liesel Meminger é contada por uma mórbida narradora surpreendentemente simpática. Ao perceber que a pequena ladra de livros lhe escapa, a Morte afeiçoa-se à menina e rastreia suas pegadas de 1939 a 1943.

- Publicidade -

Perseguida pelo nazismo, a mãe de Liesel envia a menina e o irmão para o subúrbio pobre de uma cidade alemã, onde um casal se dispõe a adotá-los por dinheiro. O garoto morre no trajeto e é enterrado por um coveiro que deixa cair um livro na neve. É o primeiro de uma série que a menina vai surrupiar ao longo dos anos. O único vínculo com a família é esta obra, que ela ainda não sabe ler.

Assombrada por pesadelos, ela compensa o medo e a solidão das noites com a conivência do pai adotivo, um pintor de parede bonachão que lhe dá lições de leitura. Alfabetizada sob vistas grossas da madrasta, Liesel canaliza urgências para a literatura. Em tempos de livros incendiados, ela os furta, ou os lê na biblioteca do prefeito da cidade.

- Publicidade -

A vida ao redor é a pseudorrealidade criada em torno do culto a Hitler na Segunda Guerra. Ela assiste à eufórica celebração do aniversário do führer pela vizinhança. Teme a dona da loja da esquina, colaboradora do Terceiro Reich. Faz amizade com um garoto obrigado a integrar a Juventude hitlerista. E ajuda o pai a esconder no porão um judeu que escreve livros artesanais para contar a sua parte naquela História. A Morte, perplexa diante da violência humana, dá um tom leve e divertido à narrativa deste duro confronto entre a infância perdida e a crueldade do mundo adulto.

“A menina que roubava livros” rendeu sucesso mundial ao autor, Markus Zusak, escritor que nasceu em 1975, em Sydney, na Austrália. Seu best-seller foi traduzido para mais de 40 idiomas e conquistou diversos prêmios.

- Advertisement -

Serviço

Título: A menina que roubava livros
Autor: Markus Zusak
Ano da publicação: 2007

A obra é a indicação da equipe da Biblioteca Municipal Centenário e está disponível para empréstimo em todas as unidades do Sistema Municipal de Bibliotecas Públicas de Poços de Caldas.

Biblioteca Pública Municipal Centenário
Endereço: Praça Getúlio Vargas, s/nº – Centro (no prédio da Urca)
Telefone: 3697-2375
Horário de funcionamento: das 8h às 17h30

Biblioteca Pública Municipal Júlio Bonazzi
Endereço: Praça Tiradentes, 621 – Jd. Santa Rita (próximo à Fonte do Monjolinho)
Telefone: 3697-2198
Horário de funcionamento: das 8h às 17h30

Biblioteca Pública Municipal Manuel Francisco Costa Guimarães
Endereço: Avenida Jaçanã Musa dos Santos, 270 – Cohab
Telefone: 3697-2074
Horário de funcionamento: das 7h às 15h

Biblioteca Pública Municipal Marcus Vinícius de Moraes
Endereço: Rua Coronel Virgílio da Silva, 1723 – Vila Nova (no antigo Centro Social Urbano)
Telefone: 3697-1201
Horário de funcionamento: das 9h às 15h.

Biblioteca CEU
Endereço: Rua Miguel Calixto de Moraes, 1.153 – Jardim Itamaraty V (no CEU da Zona Leste)
Telefone: 3697-2161
Horário de funcionamento: das 8h às 17h.

Acompanhe as novidades das bibliotecas públicas de Poços em @bibliotecaspublicasdepocos

Saiba como fazer seu cadastro nas bibliotecas: https://pocosdecaldas.mg.gov.br/noticias/faca-seu-cadastro-nas-bibliotecas-publicas-de-pocos-de-caldas/.

 




- Publicidade -
Veja também
- Publicidade -






Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!