- Publicidade -
21 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Poços é a 79ª colocada no Ranking de Competitividade dos Municípios

- Publicidade -

Poços de Caldas ficou com o 79º lugar no Ranking de Competitividade dos Municípios, na categoria nacional, caindo duas posições em comparação com o ano anterior. Em Minas, a cidade ocupa a nona colocação, perdendo para os municípios sul-mineiros de Pouso Alegre (4º) e Varginha (8º).

O estudo mostra quais cidades conseguem dar prioridade a políticas públicas voltadas para o bem-estar da sociedade. Os resultados foram divulgados pelo Centro de Liderança Pública (CLP) na última terça-feira (22), durante o  XII Congresso Consad de Gestão Pública, no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília.

- Publicidade -
Anúncio Centro
Anúncio Centro
Anúncio Centro

Florianópolis (SC) é a cidade mais competitiva do país, segundo o levantamento. Essa é a primeira vez que uma capital ocupa a primeira colocação do ranking, que desde 2020 vinha sendo liderado por Barueri (SP) .

O ranking analisa os 410 municípios com população superior a 80 mil habitantes, de acordo com a estimativa populacional do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Foram utilizados 65 indicadores, organizados em 13 pilares temáticos e três dimensões: instituições, sociedade e economia.

- Publicidade -

A queda de Poços em duas posições no ranking também abriu espaço para cidades da região. Pouso Alegre, por exemplo, está em 33º lugar, Varginha no 59º, e São João da Boa Vista em 44º. No estado, o município ficou na 9ª posição geral.

Indicadores

- Advertisement -

Um dos indicadores do ranking são as telecomunicações, que fizeram Poços ficar em evidência no ano de 2020 por manter bons acessos de banda larga total e via fibra ótica, quando ficou em primeiro lugar do país. A cidade agora é a 10ª neste quesito.

Quanto ao acesso à saúde Poços piorou, caindo 41 posições e ficando com o 81º lugar, embora a qualidade da saúde tenha melhorado e hoje o município esteja em 64º lugar, 30 posições a mais que no ano passado.

Os índices também mostram preocupações em questões como segurança, com a queda de 39 posições, além de saneamento, meio ambiente, capital humano e inovação e dinamismo econômico, que tiveram queda de 43.

Em outros quesitos o desempenho de Poços ficou assim: 44° em acesso à educação e 94° em qualidade da educação. Como desafios o município também precisa ficar atento ao funcionamento da máquina pública, estagnado na 236ª posição, e sustentabilidade fiscal (259º).

Ranking da Competitividade

O Ranking da Competitividade tem como objetivo mostrar como a competição no setor público é um elemento fundamental à promoção da Justiça, equidade e desenvolvimento econômico e social dos municípios.




- Publicidade -
Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!