- Publicidade -
19.5 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Rua São Paulo recebe ação educativa e cultural de enfrentamento à violência contra a mulher

- Publicidade -
divulgação

A Secretaria de Promoção Social, com apoio da polícia Civil, Militar, Demutran e Secretaria da Saúde, realizou na tarde desta quinta-feira (10) uma ação educativa e cultural na rua São Paulo, com o objetivo de chamar a atenção de toda a população para o enfrentamento à violência contra a mulher.

A rua se transformou em um espaço de reflexão e interação, onde diversas atividades educativas e culturais foram realizadas para chamar a atenção da comunidade e envolvê-la na causa, com entrega de panfletos e atendimento à população, além de apresentações culturais. Uma das mais marcantes foi a esquete teatral “Como tudo começou”, pelo Círculo de Artes, momento de grande sensibilização com a demonstração de casos reais de violência encenados pelos atores.

- Publicidade -
Anúncio Centro
Anúncio Centro
Anúncio Centro

Segundo a secretária de Promoção Social Marcela Carvalho, o fechamento da rua São Paulo, para além de um ato simples, é uma manifestação visual e sinalizadora do comprometimento com a causa feminina. “A rua, normalmente um espaço de tráfego e movimento constante, se transforma em um local de encontro, diálogo e união. O símbolo do fechamento não é apenas uma barreira física, mas uma demonstração concreta de que a luta pelo empoderamento feminino não pode ser ignorada, desviada ou esquecida.”

A campanha “Agosto Lilás” busca não apenas chamar a atenção para a realidade alarmante da violência contra a mulher, mas também estimular a sociedade a refletir sobre as desigualdades de gênero arraigadas em nossa cultura e contribuir para sua exclusão. É um momento de dar visibilidade às histórias de superação das vítimas, promover o diálogo sobre o tema e fortalecer a rede de apoio e proteção às mulheres em situação de violência.

- Publicidade -

Segundo a delegada da Mulher Juliane Emiko, a importância da campanha “Agosto Lilás” reside na sua capacidade de provocar mudanças reais e duradouras na mentalidade e nas atitudes da sociedade em relação à violência contra a mulher. “Ao reconhecer e enfrentar esse problema de frente podemos trabalhar juntos para criar um ambiente onde todas as pessoas possam viver com dignidade, respeito e segurança.”




- Publicidade -
Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!