- Publicidade -
17.1 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Poços encerra vacinação contra gripe com 54% de adesão da população

- Publicidade -
Foto Marcelo Camargo-Agência Brasil

A campanha de vacinação contra a influenza se encerrou nessa segunda-feira (31) em todo o Estado de Minas. Em Poços de Caldas, o número de imunizados foi de 47.494 pessoas, entre gestantes, idosos, puérperas, trabalhadores da Saúde, professores, entre outras, significando 54,20% de adesão da população.

Cobertura vacinal

- Publicidade -

A cobertura vacinal, de modo geral, foi abaixo do esperado. O público-alvo entre os poços-caldenses é em torno de 60 mil pessoas, segundo dados do Ministério da Saúde. Com a primeira dose foram imunizados 968, com a segunda dose 365 e com dose única 46.161. A meta meramente ultrapassou os 50%.

Entre as crianças, o público-alvo era de 10.296 e foram imunizados 4.276 pequenos (38%); gestantes, l.323-579 (43,76%); idosos 31.709-19.053 (60%); professores 1.846-1.190 (64,46%); puérperas 217-105 (48,29); trabalhadores da Saúde 4.937-2.436 (49,34%); funcionários do sistema de privação de liberdade 66-12 (18%); pessoas com deficiência permanente 4.893-150 (3%); população privada de liberdade 155-145 (93,55%); comorbidades 4.469-1,763 (39%).

- Publicidade -

A vacinação contra a gripe começou em abril deste ano, seguindo a campanha nacional do Ministério da Saúde. Em Minas, Gerais, os resultados também foram aquém do esperado. Até 31 de julho, foram aplicadas 6.640.821 doses da vacina no Estado, ou seja, uma cobertura vacinal geral de 63,31% em crianças, gestantes, idosos, puérperas, professores e trabalhadores da saúde. A meta preconizada é de 90% desses grupos prioritários.

Ao todo, a SES-MG distribuiu aos municípios mineiros 8.475.980 doses para vacinação contra o vírus influenza, causador da gripe. De acordo com a superintendente de Vigilância Epidemiológica da SES-MG Jaqueline Oliveira, cada município deve avaliar a demanda e estoque local para prosseguir com a vacinação. “Caso os municípios tenham doses em estoque depois do dia 31 de julho, a SES-MG recomenda que seja dada sequência na vacinação da população com idade superior a 6 meses, a fim de otimizar as doses, garantindo o estoque ao longo do ano para atender situações excepcionais, como novas gestantes e segunda dose das crianças”, explicou a superintendente.

- Publicidade -

 



- Publicidade - Laboratório Prognose
- Publicidade - Laboratório Prognose
- Publicidade - Laboratório Prognose
- Publicidade - Laboratório Prognose
Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!