- Publicidade -
24.4 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Mudança de nome e gênero de pessoas trans aumentou 100% em cinco anos

- Publicidade -
divulgação

Nos últimos cinco anos, uma constatação: o número de transgêneros que pediram mudança de nome e sexo nos cartórios aumentou 100%. Esses pedidos chegaram a ficar estagnados durante a pandemia; mas voltaram agora. Para ter uma ideia, quando se leva em conta o último ano, entre junho de 2022 e maio de 2023, houve quatro mil solicitações. Os dados são da Arpen Brasil, que é a Associação Nacional dos Registradores de Pessoas Naturais, que reúne mais de 7.700 cartórios de registro civil do país.

Antes, mudança de nome e sexo eram restritas ao Judiciário. Era preciso entrar com uma ação judicial. Desde 2018, uma decisão do Supremo Tribunal Federal determinou a regulamentação da mudança de sexo em cartório.

- Publicidade -
Anúncio Centro
Anúncio Centro
Anúncio Centro

A partir da mudança, o processo ficou mais fácil. Agora, basta apresentar os documentos pessoais, comprovante de endereço e certidões cíveis e criminais, como explica o presidente da Arpen Brasil Gustavo Fiscarelli.

Quem tiver dúvidas sobre como fazer, a Arpen editou uma cartilha com orientações. Importante reforçar que é preciso apresentar apenas a documentação pedida. Laudos médicos ou avaliações médicas e psicológicas não são necessárias. Para ter acesso à cartilha, basta ir em arpenbrasil.org.br. e clicar no ícone comunicação, que fica na barra superior. (Fonte: Radioagência Nacional)




- Publicidade -
Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!