- Publicidade -
21.1 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Parque Ecológico recebe árvores retiradas da Alameda Poços

- Publicidade -
foto divulgação

A Secretaria Municipal de Serviços Públicos realiza o transplantio de árvores do local onde será instalada a Alameda Poços, na região central. O procedimento consiste na retirada da planta com todos os cuidados necessários para que seja transportada para o Parque Ecológico da zona sul.

Ao todo, estão sendo transplantadas 24 árvores da espécie platanus, árvore que se propaga o ano inteiro, podendo chegar até 50 metros de altura e 20 metros de diâmetro.

- Publicidade -
Anúncio Centro
Anúncio Centro
Anúncio Centro

O processo do transplantio de árvores está sendo realizado pelas equipes de Serviços Públicos, DMAE e DME, com o uso de equipamentos e toda a equipe que realiza a escavação da área ao redor da árvore para expor suas raízes. Em seguida, as raízes são cuidadosamente cortadas e envoltas em um material úmido para protegê-las durante o transporte. A árvore é então colocada em um veículo adequado e transportado para o novo local.

Segundo o secretário de Serviços Públicos Celso Donato, antes de realizar o transplantio foi feita uma avaliação de cada árvore para verificar se estava em condições para o procedimento. “Árvores muito velhas ou danificadas podem não sobreviver ao processo. Além disso, é necessário escolher um local adequado para replantar a árvore, considerando as condições do solo, disponibilidade de água e espaço suficiente para que a árvore cresça. Por isso, o Parque Ecológico foi o mais indicado”, informa.

- Publicidade -

Segundo o engenheiro florestal da Secretaria de Serviços Públicos Carlos Battesini, que acompanhou todo o processo, os transplantios seguem técnicas que mantêm a sobrevivência da espécie, com garantia de que as raízes crescerão sem problemas e que as árvores se adaptarão aos novos habitats. “A técnica utilizada é o transplante em blocos, que consiste em fazer escavações no solo ao redor do tronco visando preservar as raízes e evitar que a planta morra. Depois do procedimento, as árvores são transportadas e replantadas em outro local”, explica Battesini.

A iniciativa faz parte das obras da Alameda Poços, que já foram iniciadas. O espaço conta com construções em alvenaria, com seis módulos e duas lanchonetes de 45 m² de área construída em cada um, totalizando 90m² de área total, com mesas e cadeiras nas áreas externas, com um projeto arquitetônico todo adaptado com paisagismo, preservando a natureza do local. O projeto arquitetônico foi aprovado pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Cultural e Turístico de Poços de Caldas (Condephact).




- Publicidade -
Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!