- Publicidade -
17.2 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Poços de Caldas recebe cinema gratuito

- Publicidade -
Projeto chega a Poços de Caldas na quarta-feira (fotos: Gabriel Borghi)
Projeto chega a Poços de Caldas na quarta-feira (fotos: Gabriel Borghi)

O Conexão Sustentável Alcoa chegou a Minas Gerais no último dia 30 de setembro e permanece no estado até o dia 20 de outubro. O projeto oferece sessões de cinema gratuitas, com documentários sobre sustentabilidade. Na quarta-feira (7) estaciona até sexta-feira (9), em Poços de Caldas, na Pontifícia Universidade Católica (PUC), no estacionamento ao lado do Prédio 3.

O projeto já passou pelas cidades mineiras de Ouro Preto e Lavras, sendo que Itajubá fechará o roteiro. Lançado esse ano para levar cultura, informação sobre conservação ambiental e entretenimento, já passou pelo Pará, Maranhão e Pernambuco. Até novembro serão visitados outros dois estados: São Paulo e Santa Catarina.

- Publicidade -

As sessões em Minas Gerais ocorrem no Cinemóvel, caminhão com a carroceria convertida em sala de cinema. A programação, voltada ao público universitário, tem filmes e documentários sobre temas como preservação da água, biodiversidade, aquecimento global, consumo consciente e manejo de resíduos. O Conexão Sustentável Alcoa conta ainda com outro caminhão – o Palcomóvel – que recebe peças de teatro e que em outubro vai passar por Divinolândia (SP), Poços de Caldas (20 a 23) e São Caetano (SP).

A Gerente de Programas do Instituto Alcoa, Tatiana Bizzi, destaca a inovação do projeto, lançado justamente no ano em que a Alcoa comemora 50 anos no Brasil e o Instituto Alcoa, 25 anos de atuação. “Este é um projeto interativo e inovador, que busca promover a cultura em diversas comunidades e universidades e que vai deixar um legado de sustentabilidade para as futuras gerações”.

As emissões de carbono geradas nos deslocamentos e em todas as atividades do projeto serão neutralizadas. Para isso, os promotores firmaram uma parceria com empresa especializada, que faz o inventário das emissões e as compensações com investimentos em projetos ambientais certificados pela Organização das Nações Unidas (ONU). O projeto é aprovado pela Lei Rouanet de Incentivo à Cultura. Mais informações sobre o projeto no Facebook.

Fonte: Alcoa

Veja também
- Publicidade -
Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!