- Publicidade -
21.7 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Ato pró-Dilma reúne cerca de 400 pessoas em Poços

- Publicidade -
Protesto parou no Terminal de Linhas Urbanas.
Protesto parou no Terminal de Linhas Urbanas.

Cerca de 400 pessoas, segundo a Guarda Municipal, participaram do ato pró-Dilma realizado em Poços de Caldas, na noite desta quinta-feira (20). O protesto ocorre em todo o país, organizado por partidos políticos e centrais sindicais.

A manifestação saiu da Rua Paraíba, onde fica a sede municipal do Partido dos Trabalhadores (PT), e seguiu pela Rua Assis Figueiredo em direção ao Terminal de Linhas Urbanas. O trajeto todo foi feito em meia pista, com apoio da Guarda Municipal e da Polícia Militar. Porém, a PM não mensurou a quantidade de participantes.

- Publicidade -

Os manifestantes, vestidos de vermelho e hasteando bandeiras do PT e da Central Única dos Trabalhadores (CUT), vieram de diversas cidades da região, como Campanha, Boa Esperança, Varginha, Alfenas, Pouso Alegre, Lambari, Campestre, Juruaia, Luminárias e Santa Rita de Caldas.. “Como o deslocamento aqui para Poços de Caldas fica mais fácil, decidimos que no sul de Minas os protestos seriam centralizados aqui”, disse o advogado Lucas Chianello.

O estudante universitário Ronei Jerônimo veio de Alfenas para defender a permanência da presidente Dilma Rousseff (PT) na presidência. “A oposição não aceita que, em mais de 12 anos, está fora do poder. Estão aproveitando a crise, o problema da água, e jogando tudo na administração da Dilma”, disse.

- Publicidade -

[flagallery gid=50]

 

- Advertisement -

 

Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!