- Publicidade -
12.2 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Banco de Alimentos de Poços de Caldas entrará em funcionamento em 2015

- Publicidade -

O Banco de Alimentos de Poços de Caldas entrará em funcionamento no início do próximo ano. O prédio de 250 metros quadrados está em construção há 15 dias em área dentro do Ceasa, na zona leste da cidade. Serão investidos R$ 560 mil no projeto total, com contrapartida de R$ 110 mil do município. O prefeito, Eloísio do Carmo Lourenço, esteve no canteiro de obras na manhã desta quinta-feira (31), junto com o secretário de Obras, Aldo Hansen.

Em Poços de Caldas, em 2013, foram distribuídas cerca de 130 toneladas de alimentos, doados por produtores do Ceasa, a 19 entidades cadastradas pelo município. Lúcia Elena Junqueira, secretária Municipal de Promoção Social, informa que com a criação do Banco de Alimentos será possível atender mais instituições e distribuir maior quantidade e diversidade de produtos.

- Publicidade -

Lúcia acrescenta que além das doações, as instituições serão integradas ao Programa de Aquisição de Alimentos do governo federal e receberão porções alimentares adquiridas diretamente dos 65 produtores de agricultura familiar da região, através do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome (MDS). De acordo com ela, ainda, por ano cada produtor receberá R$ 5.500,00, num total de R$ 360 mil no período, recursos que poderão ser sacado diretamente através de cartão bancário.

Eloísio esclarece que o Banco de Alimentos integra uma cadeia maior de iniciativas, onde Poços de Caldas tem em funcionamento apenas o Restaurante Popular. O prefeito diz, ainda, que o Programa de Segurança Alimentar do governo federal busca o combate ao desperdício de alimentos, através da arrecadação de gêneros alimentícios, normalmente perdidos ao longo da cadeia produtiva, garantindo também preço de comercialização à agricultura familiar. Os programas integrados são: Segurança Alimentar e Nutricional (SAN), Programa de Aquisiçãode Alimentos (PAA) e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

- Publicidade -

O coordenador do Restaurante Popular, Carlos Eduardo  Almeida, acrescenta que o Banco de Alimentos vai arrecadar, selecionar, processar, armazenar e distribuir gêneros alimentícios, por meio de doações ou adquiridos junto à agricultura familiar. Segundo ele, estão sendo realizados encontros com as entidades assistenciais da cidade para avaliar a composição da cesta de produtos e identificar a demanda alimentar de cada numa delas.

Fonte: Prefeitura de Poços de Caldas

Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!