- Publicidade -
14.7 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Agentes de Endemias recebem novo produto para o combate ao mosquito da dengue

- Publicidade -
Novo produto foi utilizado em residência no Jd Kennedy. Moradora recebeu orientações.
Novo produto foi utilizado em residência no Jd Kennedy. Moradora recebeu orientações.

O combate  ao mosquito da dengue no município está sendo feito com um novo larvicida. Os agentes de endemias receberam nesta semana o produto, que  age sobre as larvas do mosquito Aedes aegypt e, na fase adulta e de pupa, torna o mosquito estéril.

De acordo com o coordenador da Vigilância em Saúde Ambiental, Jorge Miguel Ferreira do Lago, com a nova ação, os moradores têm uma responsabilidade maior no combate ao mosquito. “Antes, os moradores esperavam os agentes, que a cada dois meses passavam nas casas e jogavam o larvicida granulado nos pratinhos de plantas. Agora, os agentes continuam passando, mas vão priorizar a eliminação da água nos possíveis criadouros do mosquito, já que o novo produto será utilizado apenas em locais onde não se pode fazer essa eliminação mecânica do depósito de água, como em caixas d’água, vasos ou outros recipientes maiores”, informa.

- Publicidade -

No período chuvoso, os cuidados devem ser redobrados para que não haja acúmulo de água, já que a reprodução do mosquito Aedes aegypti ocorre em qualquer recipiente utilizado para armazenar água, tanto em áreas sombrias como ensolaradas. Por exemplo: caixas d’água, barris, tambores, vidros, potes, pratos e vasos de plantas ou flores, tanques, cisternas, garrafas, latas, pneus, panelas, calhas de telhados, bandejas, bacias, drenos de escoamento, canaletas, blocos de cimento, urnas de cemitério, folhas de plantas, tocos e bambus, buracos de árvores e muitos outros onde a água da chuva é coletada ou armazenada. Portanto, a população deve ajudar, eliminando os locais de proliferação do mosquito.

LIRAa

- Publicidade -

De acordo com a secretária municipal de Saúde, dra. Fátima Livorato, a situação do município de Poços de Caldas está sob controle, pois, no  último Levantamento Rápido do Índice de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa), cujos resultados foram divulgados na última segunda, dia 31, o índice continua de baixo risco, com 0,4% de índice de infestação predial. Foram detectados 13 focos , em 11 residências diferentes, em nove bairros diferentes.

O levantamento é considerado um instrumento fundamental para orientar as ações de controle da dengue, o que possibilita aos gestores locais de saúde anteciparem as ações de prevenção. O levantamento é promovido pelo Ministério da Saúde, em parceria com as secretarias municipais de saúde.

- Publicidade -

Mas, a secretária de saúde destaca que o município está em alerta. “Todo o estado de Minas Gerais está em alerta, devido aos casos de dengue confirmados no estado e também em municípios próximos a Poços, como Varginha,com 40 casos, Passos, com 200 e Pouso Alegre com um caso confirmado”.

Ela solicita ainda a participação ativa da população na eliminação dos possíveis criadouros do mosquito da dengue, “tendo em vista que nosso município recebe um grande fluxo de turistas durante todo o ano e que somos vizinhos de municípios paulistas, com índices preocupantes de casos de dengue, como Casa Branca, onde houve 110 casos apenas entre janeiro e fevereiro deste ano;  São João da Boa Vista, com um caso, e Campinas, com 606 casos de dengue no mesmo período.

Fonte: ACS Prefeitura Municipal de Poços de Caldas

Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!