- Publicidade -
18.3 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Médico pode ser solto nesta quinta-feira

- Publicidade -
Sérgio estava foragido e se entregou nesta semana.
Sérgio estava foragido e se entregou nesta semana.

O médico anestesista Sérgio Poli Gaspar pode ser solto do presídio de Poços de Caldas nesta quinta-feira (13). O habeas corpus foi concedido ontem, pelo Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).

Sérgio foi condenado em primeira instância, por ter participado da retirada dos órgãos do menino Paulo Pavesi, no ano 2000. Ele se entregou à polícia na terça-feira (11) e estava foragido desde o dia seis de fevereiro, quando Cláudio Fernandes e Celso Scafi foram presos. Cláudio e Celso saíram do presídio sexta-feira passada. Uma liminar do TJMG deixava claro que o habeas corpus do anestesista seria concedido caso ele se entregasse.

- Publicidade -

De acordo com informações da família de Sérgio, o médico ainda não foi liberado devido à necessidade de intimação do advogado, para que seja informado a respeito das medidas cautelares. Cláudio e Celso estão proibidos de exercer função pública, sair do país, se ausentar da cidade por mais de 15 dias, a não ser com autorização judicial, e de ter acesso à Santa Casa de Poços de Caldas.

Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!