- Publicidade -
19.5 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Jardim Botânico vai plantar 87 mil mudas

- Publicidade -
Prefeito Eloísio Lourenço assinou os convênios.
Prefeito Eloísio Lourenço assinou os convênios.

A DME Participações e a Fundação Jardim Botânico assinaram três convênios na manhã desta terça-feira (4). O objetivo é promover a pesquisa da fauna e flora local, além de plantar mais de 87 mil mudas.

As ações serão realizadas ao redor das centrais hidrelétricas e represas do município. Os convênios custam ao DME cerca de R$52o mil durante os próximos quatro anos. “Delegamos para o Jardim Botânico a atribuição que o DME teria em fazer reflorestamento e recompor a fauna e a flora. Essa contribuição vai compensar eventuais agressões que as usinas e represas fazem ao meio ambiente”, disse o presidente da DME Distribuição, João Deom.

- Publicidade -

O estudo da fauna e da flora do Planalto de Poços de Caldas será feito por uma equipe multidisciplinar do Jardim Botânico, composta por biólogos, agrônomos e botânicos, entre outros profissionais. “O planalto de Poços de Caldas é diferente, porque é mata atlântica, mas porém em altitude num solo vulcânico. O Jardim vai crescer muito com isso, todos nós ganhamos na comunidade”, explicou o presidente da Fundação, Jorge Jabour.

Para o prefeito Eloísio Lourenço, os convênios são uma oportunidade de investir em qualidade de vida. “Hoje percebemos que a falta de cuidado com o meio ambiente tem nos trazido sérias consequências. Consequências climáticas e doenças respiratórias, por exemplo”.

- Publicidade -

 

Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!