- Publicidade -
14.5 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Rapaz é preso por assalto ao shopping

- Publicidade -
Prisão ocorreu na manhã desta quinta-feira (19).
Prisão ocorreu na manhã desta quinta-feira (19).

Willians Ferreira dos Reis, 23, foi preso na manhã desta quinta-feira (19), no bairro Jardim Kennedy. Ele é acusado de ter participado do assalto a uma joalheria do Shopping Poços de Caldas, dia sete de outubro. De acordo com a Polícia Civil, ele teria entrado no shopping junto com Darlan Daniel de Souza, 25, que está foragido.

Os investigadores chegaram a Willians depois que ele sofreu uma tentativa de homicídio, dia 29 de outubro. Ele teria ficado com mais jóias do que havia sido combinado com o restante da quadrilha. “Segundo consta nos autos, em razão de um desacerto na divisão do produto desse roubo, o Willians foi alvejado com três tiros. Ele foi vítima de uma tentativa de homicídio por parte desses suspeitos”, explica a delegada Maria Cecília Gomes Flora.

- Publicidade -

Quadrilha

A delegada conta que já foram realizadas outras prisões de pessoas que são acusadas de fazer parte da quadrilha. Um homem, que teria emprestado a arma do crime e participado da divisão das jóias, foi preso em novembro. Além disso, dois casais foram presos pela Polícia Militar, no mesmo mês, por porte ilegal de armas e tráfico de drogas. Posteriormente, os interrogatórios indicaram vínculos dessas pessoas com o planejamento do assalto ao shopping.

- Publicidade -

O outro rapaz que teria participado efetivamente do assalto, Darlan, tem passagens pelos presídios de Poços de Caldas e Formiga, por roubo.

Willians sofreu tentativa de homicídio em novembro.
Willians sofreu tentativa de homicídio em novembro.

Investigação

- Publicidade -

A investigação feita pela Polícia Civil começou na noite do assalto, com a identificação do responsável por emprestar a arma do crime e que teria ficado com parte das alianças. As imagens do circuito interno não puderam ser utilizadas, devido à baixa qualidade. Além disso, os assaltantes estavam com os rostos cobertos, o que impediu um reconhecimento confiável por parte das testemunhas.

Quanto às jóias, a delegada informa que parte delas foi levada pra fora de Poços de Caldas e o receptor está sendo identificado. Willians será interrogado ainda hoje. Os investigadores que participam do caso são Sinval Garcia, Gilberto Souza, Bárbara Bernardi, Paulo Silva, Márcio Wallace e Alexsandro Tavares.

Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!