- Publicidade -
17.7 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Loja é furtada duas vezes nesta semana

- Publicidade -
Câmeras de segurança flagraram os furtos
Câmeras de segurança flagraram os furtos

A loja Taú Sports, na Praça Pedro Sanches, foi furtada duas vezes nesta semana. Os casos aconteceram nas noites de segunda-feira (07) e quarta-feira (09). O proprietário, André Renato Tau, estima um prejuízo de cinco a seis mil reais.

No primeiro caso, um rapaz quebra a porta e outro entra na loja para pegar os produtos. Ele leva 13 tênis, entre os expostos na vitrine e os que ficam no interior do estabelecimento. Porém, não pega os respectivos pares, já que não ficam expostos.

- Publicidade -

Com a porta quebrada, no dia seguinte foi colocado apenas um tapume, o que facilitou a ação do segundo criminoso. Na noite de ontem, as imagens das câmeras de segurança mostram que um homem passa pela loja e volta em seguida. Depois de verificar que a porta é frágil, verifica se não há mais ninguém por perto e força a entrada com o próprio corpo. Minutos depois ele sai correndo com uma jaqueta, uma calça e um par de tênis. André conta que a Polícia Civil prendeu o culpado e parte do material furtado foi recuperada. Porém, os policiais não souberam informar ao Poços Já a identidade do ladrão.

Esses não foram os primeiros casos nessa loja. Há cerca de dois meses, ocorreu um assalto à mão armada. “O rapaz pediu para separar algumas roupas. Quando voltou para pagar anunciou o assalto. Além das mercadorias, levou dinheiro”.

- Publicidade -

Para o comerciante, é necessário mais policiamento no centro da cidade. “As viaturas tem que rodar mais durante a noite. Do jeito que está não dá para ficar. Tenho uma loja em São João da Boa Vista (SP) e nunca tive problema com ela”, reclama.

Ótica Precisão

- Advertisement -

A ótica Precisão, na esquina das ruas São Paulo e Rio Grande do Sul, foi arrombada na madrugada desta quarta-feira (09), por volta da meia noite. De acordo com a Polícia Militar, o prejuízo chega a R$25 mil. Três pessoas foram presas e confessaram o crime. David Jonas da Silva, 21, Richard Rivelino Santos de Andrade, 18, e Selmara Fátima Tomaz, 32, disseram que o objetivo era comprar crack com o dinheiro da venda dos óculos.

Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!