- Publicidade -
22.7 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Prefeito explica composição da dívida de R$43 mi

- Publicidade -
Audiência pública discute endividamento do município
Audiência pública discute endividamento do município

Começou às 17h30 a audiência pública sobre endividamento do município, com a presença do prefeito Eloísio do Carmo Lourenço, do secretário da Fazenda Edalmo Porto Rangel e do contador da prefeitura Alexandre Lino Pereira.

A audiência foi solicitada pelos vereadores Paulo Tadeu Silva D’Arcadia (PT), Rogério Carrilo (PT), Flávio Faria (PT), Rogério Andrade (PSD), Paulo Eustáquio de Souza (PSD), Luís Carlos Pena e Silva (PTB), José Maria Siqueira (PMDB) e Joaquim Alves (PMDB). De acordo com o presidente da Câmara, Paulo Tadeu, o objetivo é esclarecer a questão da dívida herdada pela atual administração. Ele destaca a necessidade de demonstrar se a dívida é considerada positiva, relacionada a investimentos e melhorias, ou negativa, consequência de má gestão. “O endividamento de Poços de Caldas se deu por descontrole efetivo e fata de rigor fiscal. Não é um endividamento de longo prazo, resultado de despesas de capital, de investimentos do município. Tal como se apresentam, são restos a pagar extremamente negativos. Impedem uma boa gestão, pelo menos inicialmente. “

- Publicidade -

O prefeito Eloísio do Carmo Lourenço informou que a dívida total era de R$43 milhões de restos a pagar quando recebeu a administração. Porém, já foram pagos cerca de R$25 milhões. Durante a audiência, será apresentada a composição da dívida. “Uma grande parte é do INSS, mas temos fornecedores de todo tipo. Empresas de ônibus, transporte, alimentação. Tem uma série de fornecedores que não foram pagos e que hoje são nossos credores.”



- Publicidade - Laboratório Prognose
- Publicidade - Laboratório Prognose
- Publicidade - Laboratório Prognose
- Publicidade - Laboratório Prognose
Veja também
- Publicidade -















Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!