- Publicidade -
14.6 C
Poços de Caldas

- Publicidade -

Ração X Alimentação Caseira

- Publicidade -

18Antigamente, os animais domésticos eram alimentados apenas com as sobras das refeições de seus donos. À medida que estes animais se aproximaram de seus donos, se tornaram amigos do homem e não só guardas dos terrenos ou caçadores oficiais dos ratos. Dessa forma, os cuidados com eles também se aprimoraram.

As rações surgiram no mundo moderno, quando as pessoas começaram a se preocupar com a qualidade do alimento oferecido aos pets, além do fato dos proprietários já não terem mais tempo para preparar refeições todos os dias nem para si mesmos.

- Publicidade -

Hoje em dia estão disponíveis rações específicas para a fase de vida de cada animal (filhotes, adultos, sênior, fêmeas gestantes ou lactantes), para o seu tamanho (pequeno porte a gigantes), para raças, para melhorar pelagem, controlar o peso ou prevenir a formação de tártaro. Além dessas ainda podemos encontrar rações que ajudam no controle de doenças cardíacas, urinárias, renais, hepáticas entre outras.  Elas podem ser secas, úmidas ou semi-úmidas e vêm com uma grande variedade de sabores.

A alimentação caseira não é inadequada desde que ela seja preparada especialmente para o seu pet. As refeições devem ser balanceadas com as quantidades apropriadas de proteínas, carboidratos, lipídeos, fibras, vitaminas e sais minerais. Os ingredientes que vão compor a dieta caseira precisam ser selecionados, já que alguns itens utilizados em nossa dieta podem ser prejudiciais a cães e gatos, como a cebola e o alho.

- Publicidade -

Cuidado também ao escolher a ração comercial que você oferece ao seu pet. Nem sempre a marca que “vende muito” é a que oferece maiores benefícios ao seu melhor amigo.

A alimentação é um dos principais fatores para manter seu bichinho saudável, por isso sempre procure a orientação de um médico veterinário para escolher a melhor opção. As necessidades do seu pet mudam de acordo com a fase que ele está vivendo. Rações secas são mais fáceis de conservar e o modo mais prático de garantir uma alimentação balanceada. Porém, se você tem disponibilidade e quer cozinhar para seu pet, procure orientação para utilizar ingredientes corretos, nas proporções ideais.  As duas opções são válidas e podem ser usadas no nosso dia-a-dia. O mais importante é oferecer uma alimentação balanceada para que nossos pets cresçam adequadamente e envelheçam da forma mais confortável possível.

- Publicidade -

*A autora é médica veterinária.

Veja também
- Publicidade -












Mais do Poços Já
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
Don`t copy text!